Florear ou deixar a história mais palatável aos ouvidos pode até pegar bem no happy hour (ou em um encontro de pescadores). No entanto, na entrevista de emprego, este tipo de atitude pode custar a oportunidade profissional. Entenda em mais um dos vídeos de carreira. Quem fala é Eduardo Ferraz, autor do livro “Seja a pessoa certa no lugar certo”.

http://exame.abril.com.br/videos/sua-carreira/exageros-na-entrevista-podem-custar-oportunidade-de-emprego/